×

Hidrelétrica de Sinop

  Um impacto relacionado com a emissão de metano é a metilização de mercúrio. Este processo ocorre em ambientes sem oxigênio, como nos sedimentos no fundo de um reservatório. Quimicamente, o processo de “metilização”, ou seja, o acréscimo de um grupo metil (CH3), neste caso ligando a um átomo de mercúrio (Hg), é quase idêntico […]

05/05/2019 00:14

  A UHE Sinop é prevista para ter emissões bastante altas de gases de efeito estufa, como mostrado pelo trabalho publicado por de Faria e colegas [1] na revista Environmental Research Letters. Este estudo mostrou que, mesmo considerando o potencial de aquecimento global (GWP) de metano para 100 anos, “a maior parte dos fatores de […]

04/05/2019 23:32

  Barragens amazônicas podem emitir quantidades bastante grandes de gases de efeito estufa, incluindo metano (CH4), que tem um impacto sobre o aquecimento global muito maior por cada tonelada do que gás-carbônico (CO2). As hidrelétricas emitem muito nos primeiros anos após o enchimento do reservatório, e o metano também tem seu impacto concentrado nos primeiros […]

30/04/2019 17:27

  Em 24 de janeiro de 2019, a Secretaria Estadual do Meio Ambiente do Mato Grosso (SEMA) autorizou o enchimento do reservatório de Sinop com base em relatórios de consultoria apresentados pela empresa de energia [1]. No dia seguinte a atenção mundial foi capturada por um grande desastre em outra parte do Brasil: o rompimento […]

29/04/2019 19:01

Carregar mais
Translate »