×

Política

Nota de repúdio aos ataques à jornalista Auxiliadora Tupinambá

Por: | 06/03/2020 às 12:02

1 Comentário

  1. Alberto Jorge Silva disse:

    A Articulação Amazônica dos Povos e Comunidades Tradicionais de Terreiro de Matriz Africana – ARATRAMA, subscreve a nota.
    É inaceitável que um ser DESQUALIFICADO, OPORTUNISTA, FANFARRÃO, que desqualifica a Televisão local, nivelando por baixo o jornalismo e o radialismo.
    É inadmissível que Manaus acolha e dê destaque para esse tipo de gente que representa o que há de pior na humanidade.
    Em um país democrático, onde há liberdade de pensamento e expressão garantida por Lei, é inadmissível que se use desse dispositivo legal para atacar a honra e a dignidade de pessoas, sem que se dê o amplo direito de defesa no mesmo horário e espaço.
    Siqueira, já mostrou à que veio!
    É mais um no esquema sórdido do uso da mídia, da Televisão, das Redes Sociais para fins políticos. De uma má política.
    Não podemos nos calar nessa hora.
    A Jornalista Auxiliadora Dora Tupinamba é gente da terra.
    Nós a conhecemos, sabemos de sua história profissional, de sua luta sindical, de seu comprometimento com as causas sociais e minorias.
    É triste, desalentador, vir nosso povo engabelado, enganado por uma farça midiatica, paraquedista, que não conseguiu sucesso em sua própria terra, e chegando aqui, do nada, recebeu toda estrutura para se tornar garoto propaganda de interesses nazifascistas.
    Lastimamos a DEGRADAÇÃO da Televisão local.
    Esperamos que as autoridades tomem providências na forma da Lei, afim de conter tais abusos, já que não se pode esperar o mesmo da empresa contratante.
    Que tempos!
    Que dias!
    Que retrocesso!
    Manaus, 07 de Março de 2020
    Hòunnón Hèviòssòssi
    Dr. Alberto Jorge Silva
    Coordenador Geral da ARATRAMA

Deixe o seu comentário!

RELACIONADAS

Perdeu alguma notícia da Amazônia Real?

Se inscreva aqui

toptvshows
Translate »