Blog Jovens Cidadãos da Amazônia

Os desafios do ensino a distância: uma perspectiva indígena periférica

Por Samela Sateré-Mawé Publicado em: 20/05/2021 às 18:36
Os desafios do ensino a distância: uma perspectiva indígena periférica
Samela
Samela Sateré-Mawé

Samela Sateré-Mawé, 24 anos, é filha da líder Sonia da Silva Vilacio, do povo Sataré-Mawé, da Terra Indígena Andirá-Marau, no Baixo Rio Amazonas. É estudante de Biologia na Universidade do Estado do Amazonas (UEA), em Manaus. Artesã, é integrante da Associação de Mulheres Indígenas Sateré-Mawé (AMISM). Participa do Movimento dos Estudantes Indígenas do Amazonas (MEIAM) e é apresentadora no canal Reload. Participou da primeira Oficina Jovens Cidadãos, em 2018.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Prezados leitores e leitoras da Amazônia Real, o espaço de comentário do site é para sugestões, elogios, observações e críticas. É um espaço democrático e de livre acesso. No entanto, a Amazônia Real se reserva o direito de não aprovar comentários de conteúdo preconceituoso, racista, sexista, homofóbico, com discurso de ódio e nem com links de outros sites. Muito obrigada.