Povos Indígenas

Audiência do caso de abusos contra meninas indígenas inicia em São Gabriel da Cachoeira

Por Elaíze Farias Publicado em: 17/06/2015 às 19:27
Audiência do caso de abusos contra meninas indígenas inicia em São Gabriel da Cachoeira
Elaize
Elaíze Farias

Cofundadora da Agência Amazônia Real e editora de conteúdo. Atuou como repórter em jornais de Manaus como A Crítica, Diário do Amazonas e Amazonas em Tempo. Especializou-se na produção de reportagens sobre temas socioambientais na Amazônia com enfoque em povos indígenas e povos tradicionais, direitos territoriais, direitos humanos, entre outros. Possui três premiações: Prêmio Imprensa Embratel, Prêmio Onça-Pintada de Jornalismo e Prêmio Fapeam de Jornalismo Científico. Foi assessora de imprensa da Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia Brasileira (Coiab). É jornalista formada pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM). ([email protected]/[email protected])

2 Comentários

  1. Avatar Nilton S. Spagnuolo disse:

    Por que a demarcação das terras indígenas é importante ? A resposta a essa pergunta pode ser encontrada nos semáforos da maioria das capitais dos estados brasileiros, onde pedintes esmolam trocados para garantir a refeição do dia. Se prestarmos atenção notaremos, no meio dos miseráveis e marginalizados, um representante dos povos indígenas. Na maioria das vezes veste traje típico, vende colares; está acompanhado por esposa e por crianças pequenas que circulam arriscadamente entre carros pedindo moedas. É isso que acontece quando o agronegócio invade terras indígenas: a floresta é derrubada; a soja e o milho são plantados; o gado é trazido para pastar e os índios – seculares donos das terras – são expulsos, primeiramente para cidades próximas, depois para metrópoles. Num ambiente desconhecido e hostil para eles – o urbano – os indígenas sofrerão inevitáveis processos de perda de identidade cultural e desestruturação familiar. O pai procurará serviços que requerem menor qualificação profissional como bóia-fria, desossador de frigorífico, ajudante de serviços gerais ou será um desempregado permanente; a mãe trabalhará como faxineira, empregada doméstica ou, na melhor das hipóteses, manicure, enquanto a filha provavelmente será mãe solteira nos primeiros anos da adolescência, interrompendo a formação escolar que poderia tira-la da situação de marginalidade a que são submetidos os índios depois de perderem suas terras e migrarem para as cidades. É por isso que a demarcação das terras indígenas é importante, e urgente.

  2. Avatar Minnie Sardinha disse:

    Infelizmente tudo isto é verdade.

Deixe o seu comentário!

Prezados leitores e leitoras da Amazônia Real, o espaço de comentário do site é para sugestões, elogios, observações e críticas. É um espaço democrático e de livre acesso. No entanto, a Amazônia Real se reserva o direito de não aprovar comentários de conteúdo preconceituoso, racista, sexista, homofóbico, com discurso de ódio e nem com links de outros sites. Muito obrigada.