Povos Indígenas

Autodemarcação Tupinambá reivindica reconhecimento do território no Pará

Por Tainá Aragão Publicado em: 30/12/2020 às 17:42
Autodemarcação Tupinambá reivindica reconhecimento do território no Pará
Tainá
Tainá Aragão

É manauara (AM) e Comunicadora Social-Jornalista pela Universidade Federal de Roraima (UFRR) e Universidade de Brasília (UnB). Estudou cinema documental na Universidad de La Habana (Cuba). Atualmente vive entre Brasília (DF) e Santarém (PA). Trabalha principalmente com temas sobre Direitos Humanos, Povos Tradicionais e Migração Latinoamericana. Participou da primeira Oficina de Jornalismo Socioambiental da Amazônia Real e Climate Tracker, em 2019. ([email protected])

4 Comentários

  1. Sou de MT descendente Tupinambá muito feliz ler matérias e saber um pouco da minha etnia

  2. Avatar Orlando Sampaio Silva disse:

    A frase correta é: “…, já que os Poderes da República não as fazem.”
    Agradeço pela publicação. Orlando Sampaio Silva

  3. Avatar Orlando Sampaio Silva disse:

    Meu incentivo aos Tupinambá e aos demais povos indígenas. Procedam às identificações e às demarcações de seus territórios, já que os Poderes da República não os faz. Autodeterminação.
    Colegas da Universidade Federal do Oeste do Pará, sintam-me ao seu lado nesse empenho antropológico de solidariedade com as causas dos povos indígenas. Orlando Sampaio Silva, antropólogo, UFPA.

  4. Avatar Norma Megumi Arata disse:

    Muito boa estratégia das comunidades indígenad e a comunicação para fora. Estamos torcendo por vocês

Deixe o seu comentário!

Prezados leitores e leitoras da Amazônia Real, o espaço de comentário do site é para sugestões, elogios, observações e críticas. É um espaço democrático e de livre acesso. No entanto, a Amazônia Real se reserva o direito de não aprovar comentários de conteúdo preconceituoso, racista, sexista, homofóbico, com discurso de ódio e nem com links de outros sites. Muito obrigada.