×
Povos Indígenas

ANP lança edital para explorar petróleo no entorno de 15 terras indígenas no Amazonas

Amazonia Real Por Elaíze Farias Publicado em: 10/07/2015 às 16:36
Elaíze
Elaíze Farias

Cofundadora da Agência Amazônia Real e editora de conteúdo. É referência em reportagens sobre povos originários, populações tradicionais, denúncias de violações de direitos territoriais e direitos humanos, violências socioambientais e impactos de grandes obras na natureza e nas populações amazônicas. Entre as premiações recebidas, está o Prêmio Imprensa Embratel. Em 2021, foi homenageada no 16º Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo, da Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji), junto com Kátia Brasil, também fundadora da Amazônia Real. Em 2022, recebeu o Prêmio Especial Vladimir Herzog. É jornalista formada pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM).

3 Comentários

  1. Blais disse:

    Stop à la destruction du Poumon de la Terre et de ces habitants
    s’il vous fait
    merci Sylvie Blais

  2. Sebastião Carlos Baptista disse:

    Além das terras informadas próximas ao Bloco 131 e 132 existem as terras indígenas Capivara e Muratuba, localizadas no município de Autazes cujos Blocos 131 incide na terra indígena Muratuba e 132 na terra indígena Capiva.

  3. robson diniz disse:

    1 CRIME contra a funai 2 CRIME ambiental 3 crime ao estatuto indígenas 4 crime contra os direitos e cidadania da quele povo 5 a mata amazônica cada vez mais sofrendo danos ambientais pelos descaso político e pelos mercenário corruptos que estão no poder público , ainda a quem diga que a mata amazônica e o pulmão do mundo e a sim mesmo desejam furar o pulmão , aí agora que apareça todos manifestação contra a esa pouca e descarada e escrúpulosa vergonha BRASILEIRA que é assim pega todos de supetao e vai k dar, agora onde é que está o ministério público a receita federal vamos agir e gritar para o mundo ouvir !!!!!!

Deixe o seu comentário!

Prezados leitores e leitoras da Amazônia Real, o espaço de comentário do site é para sugestões, elogios, observações e críticas. É um espaço democrático e de livre acesso. No entanto, a Amazônia Real se reserva o direito de não aprovar comentários de conteúdo preconceituoso, racista, sexista, homofóbico, com discurso de ódio e nem com links de outros sites. Muito obrigada.